Morar em condomínio traz mais segurança e comodidade para quem tem um animal de estimação

By Laryssa CaetanoCães e GatosWith 0 comments

Hoje em dia, muitas pessoas optam por morar em condomínios fechados, seja em casas ou apartamentos, e muitas famílias possuem um animal de estimação, em sua maioria cães e gatos. E ter um bichinho traz muitos benefícios para a vida, pois eles tornam os dias mais alegres e divertidos e são ótimas companhias, mas precisam se adaptar ao ambiente em que vivem.

Morar em casa é mais cômodo para ter um cachorro, pois ele terá mais espaço. Mas isso não impede que possa ter um animal mesmo morando em apartamento. Lógico que o porte deve ser menor, pois os cães maiores precisam de mais espaço. O mais aconselhável para quem mora em apartamento é ter um gatinho, eles são pequenos e não precisam estar na rua para gastar energia ou se divertir, basta criar um ambiente agradável com arranhadores e brinquedinhos.

pexels-photo-164446

Já o cachorro precisa de um tempo fora de casa, para um passeio, por exemplo, e morar em casas em condomínios fechados oferecem uma segurança maior, pois por mais que estejam na rua ou em um uma área comum, estão em um lugar protegido. Obviamente que existem regras para que o convívio com os outros moradores se torne agradável.

Existem regras para ter um animal de estimação dentro de um condomínio

Para que a vida comum seja tranquila e harmoniosa é preciso que todos os moradores façam sua parte respeitando os espaços comuns. Ter um animal morando em condomínio exige seguir regras, por meio de uma convenção, regimento interno ou assembléia podem regular o trânsito de animais, desde que não vá contra pelo que é estabelecido por lei.

Algumas normas aplicáveis e que não confrontam o direito de propriedade levar os animais para passear com guia ou coleira. Não levá-los a áreas comuns como piscina, playground e salão de festas, manter seu bichinho com as vacinas em dia para que não corra riscos em relação à saúde dos moradores e do próprio animal. E não se esqueça de sempre passear com um saquinho, caso ele faça as necessidades pelo condomínio terá como limpar.